Busca da infelicidade

Couple ignoring each other

É quase inacreditável, mas existe: gente que faz um esforço para ser infeliz!

Venho observando alguns comportamentos e é muito curioso isso. Apesar de se aplicar em qualquer relacionamento humano, gostaria de focar no relacionamento conjugal. Mas, basta trocar os personagens que se adapta em qualquer situação.

Acho natural que em qualquer relacionamento entre pessoas haja tem desentendimentos, conflitos de opinião, de interesses, de valores, assim como é natural que depois de um certo tempo as coisas se acertem e este o casal fique bem – e quando menciono casal inclui o casamento, namoro, etc.

Mas é justamente neste ponto que a coisa complica, pois existem pessoas que não conseguem conviver em paz, sem conflitos. Parece que existe um vício de reclamar, de brigar, de não compreender, de não tolerar nenhum deslize.

E se não acontece nada de errado, a pessoa começa a criar. A imaginar dificuldades, a pensar coisas fora da realidade ou a enxerga-la de forma totalmente distorcida.

Basta o parceiro ou a parceira terem uma opinião que a do outro é sempre divergente. Se um fala alguma coisa coerente, o outro diz “mas briga_casalnão é bem assim”, somente pelo prazer de divergir, contrariar e irritar.

Sim, eu sei que isso é mais comum do que parece.

Mas o que me intriga é o motivo pelo qual isso ocorre.

É como se a pessoa fizesse um esforço para não ser feliz. Como se buscasse sempre algum fator para desestabilizar, para ser infeliz.

Isso sim parece um problema psicológico grave e que deve ser investigado. Penso que a explicação para isso seja de culpa ou remorso, repetição de situações familiares, e até mesmo em razão de reflexos de uma cultura medieval que pregava que felicidade não é possível, ou que somente é possível de forma condicionada (a algo ou alguém).

Ora, que mal há em ser feliz sem motivo?

Ou melhor, precisa de motivo para sermos felizes?

Tenho presenciado muitos conflitos entre casais e vejo claramente que isso demanda um grande esforço e dispêndio de energia, ou seja, uma busca para serem infelizes, com tremendo trabalho para isso, como se a vida já não fosse complicada o suficiente.

E olha que tem muita gente conseguindo alcançar este objetivo, de ser infeliz e tornar a vida do outro um pouco mais difícil.

Coisas que pessoas felizes fazem diferente

Excelente texto, que li no blog  Agora Sim, que fez a tradução do original.

A questão é mesmo de escolha e de opções de vida.

Boa leitura!

22 coisas que pessoas felizes fazem diferente

Existem dois tipos de pessoas no mundo: aquelas que escolhem ser felizes e aquelas que optam por ser infelizes. Ao contrário da crença popular, a felicidade não vem da fama, da fortuna ou de bens materiais. Ela vem de dentro. A pessoa mais rica do mundo pode estar miseravelmente infeliz, enquanto um sem-teto pode estar sorrindo e contente com a sua vida. As pessoas felizes o são porque se fazem felizes. Elas têm uma visão positiva da vida e permanecem em paz com elas mesmas. 

rain-cute-girl-happy-smile-favim-com-543942[1]

Continuar lendo