Estudante sou.

Estudante sou. Nada mais. Mau sabedor, fraco jurista, mesquinho advogado, pouco mais sei do que saber estudar, saber como se estuda, e saber que tenho estudado. Nem isso mesmo sei se saberei bem. Mas, do que tenho logrado saber, o melhor devo às manhãs e madrugadas. Rui Barbosa

Em 18 de dezembro de 1996 eu recebi meu diploma de graduação em direito.

Foi um misto de alegria, uma incrível sensação de vitória e uma grande responsabilidade. Sim, porque pobre, filho de pais incultos (trabalhadores mas sem instrução formal) o risco de o diploma ficar apenas dependurado em uma parede é muito grande. Continuar lendo

Anúncios