Nas orações de Natal

“Prince of Peace”Akiane Kramarik

thefaceofjesus

“Prince of Peace”Akiane Kramarik

NAS ORAÇÕES DE NATAL

Rememorando o Natal, lembramo-nos de que Jesus é o Suprimento Divino à Necessidade Humana.
Para o Sofrimento, é o Consolo;
Para a Aflição, é a Esperança;
Para a Tristeza, é o Bom Ânimo;
Para o Desespero, é a Fé Viva;
Para o Desequilíbrio, é o Reajuste;
Para o Orgulho, é a Humildade;
Para a Violência, é a Tolerância;
Para a Vaidade, é a Singeleza;
Para a Ofensa, é a Compreensão;
Para a discórdia, é a Paz;
Para o egoísmo, é a Renúncia;
Para a ambição, é o Sacrifício;
Para a Ignorância, é o Esclarecimento;
Para a Inconformação, é a Serenidade;
Para a Dor, é a Paciência;
Para a Angústia, é o Bálsamo;
Para a Ilusão, é a Verdade;
Para a Morte, é a Ressurreição.
Se nos propomos, assim, aceitar o Cristo por Mestre e Senhor de nossos caminhos, é imprescindível recordar que o seu Apostolado não veio para os sãos e, sim, para os antigos doentes da Terra, entre os quais nos alistamos…
Buscando, pois, acompanhá-lo e servi-lo, façamos de nosso coração uma luz que possa inflamar-se ao toque de seu infinito amor, cada dia, a fim de que nossa tarefa ilumine com Ele a milenária estrada de nossas experiências, expulsando as sombras de nossos velhos enganos e despertando-nos o espírito para a glória
imperecível da Vida Eterna.

Emmanuel

Do livro “Os Dois Maiores Amores”, psicografia de Chico Xavier.

 

Anúncios

Destino

destino

Ontem escrevi sobre aproveitar o momento e as oportunidades.

Não pude deixar de me lembrar desta conhecidíssima mensagem de Emmanuel sobre compreender as circunstâncias da vida, entender o momento e fazer o melhor com o que temos em mãos para melhorar, ou para usar as palavras de Emmanuel “reprogramar a meta“, que nada mais é do que mudar o presente para melhorar o futuro.

Reflita:
Destino

Nasceste no lar que precisavas.

Vestiste o corpo físico que merecias.

Moras onde melhor Deus te proporcionou, de acordo com o teu adiantamento.

Possuis os recursos financeiros coerentes com as tuas necessidades,

nem mais, nem menos, mas o justo para as tuas lutas terrenas.

Teu ambiente de trabalho é o que elegeste espontaneamente para a tua realização.

Teus parentes, amigos são as almas que atraístes, com a tua própria afinidade.

Portanto, teu destino está constantemente sob teu controle.

Tu escolhes, recolhes, eleges, atrais, buscas, expulsas, modificas tudo aquilo que te rodeia a existência.

Teus pensamentos e vontades são a chave dos teus atos, atitudes e são as fontes de atração e repulsão na tua jornada vivencial.

Não reclames, nem te faças de vítima.

Antes de tudo, analisa e observa.

A mudança está em tuas mãos.

Reprograme tua meta, busque o bem e viverás melhor.

Emmanuel
Psicografia de Chico Xavier

Invocação

Deus

Invocação

RUBENS ROMANELLI

Senhor,

Inundas-me no esplendor de tua luz

e, contudo, cego, não Te vejo.

Falas-me na eloquência de teu verbo

e, no entanto, surdo, não Te ouço.

Abrasas-me na ardência de teu amor

e, todavia, insensível, não Te sinto.

Oh! estranha contradição!

Tu, bem perto de mim,

e eu, tão longe de Ti!

Desvela-me, Senhor, os olhos, cegos de orgulho;

abre-me os ouvidos, surdos de vaidade,

e sensibiliza-me o coração, duro de maldade,

para que eu descubra tua divina presença

na intimidade de meu ser!


O Primado do Espírito, cap. 1, pág. 23, 6ª Ed., Ed. Lachâtre.

Bagatelas

 

formiga

O século é fruto dos dias.

O rio nasce da fonte oculta.

A árvore procede do embrião.

A linha é uma sucessão de pontos minúsculos.

A jornada de cem léguas origina de um passo.

O discurso mais nobre principia numa palavra.

O livro inicia-se com uma letra.

A mais bela sinfonia começa numa nota.

A seda mais delicada é uma congregação de fios.

De bagatelas é constituída a hora do homem.

Todavia, sem que venhamos a executar os pequeninos deveres, quais se fossem grandes, jamais alcançaremos as grandes realizações com a simplicidade que nos deve assinalar o caminho.

André Luiz

 

Psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Livro: Doutrina e Aplicação. Lição nº 10. Página 59.

Ser pai é…

Minhas primeiras fotos como pai. Em 1994.

Minhas primeiras fotos como pai. Em 1994.

Fui pai aos 20 anos. E ainda não sei a resposta ao título deste post. O que é ser pai?

Não sei exatamente ainda, mas penso que foi a partir dali que comecei a ser melhor filho para os meus pais. E também a partir dali me tornei um melhor amigo para meus amigos, e um melhor profissional para os meus clientes.

É porque a paternidade pede de nós uma reformulação de conceitos e de objetivos. Os meus valores e missão de vida continuam os mesmos, assim como eu continuo o mesmo, mas as metas e os objetivos tiveram um direcionamento diferente. Foi necessário adicionar outros cuidados e atenções.

Já falei aqui sobre liderança e da necessidade que todos os seres humanos temos de sermos liderados por alguém mais capaz que nós mesmos. Fomos liderados por nossos pais, somos de nossos filhos, e penso que toda humanidade é liderada por Jesus. Continuar lendo